Rotas do Vento Rotas do Vento
Home  » Utilidades » Diversos » O Esplendor de Petra, Jerusalém e o Deserto Wadi Rum, Dez 2017


Programa de Viagem-

D1: Voos Lisboa-Amman, transporte para o hotel.

D2: Ajlun, Jerash, Jerusalem
Seguimos para Aljun onde visitamos o castelo de Ayyubid (Qal'at Ar-Rabad), construído no séc XII para defender o país dos ataques dos cruzados. Perto situa-se a Reserva Natural de Ajlun-Dibbine, uma área protegida de 13 km quadrados de florestas de pinheiros e de vida selvagem de muita beleza. Seguimos para Jerash, a Pompeia do Oriente, uma interessante e bem conservada cidade romana do séc II. O seu teatro está inalterado e o seu forum mantêm todas as colunas eretas. Passeamos nas suas elegantes avenidas calçadas e ladeadas de colunas, e visitaremos o arco triunfal de Adriano, o hipódromo, o grande templo d
e Zeus, o ninfeu (chafariz), os banhos, etc. O teatro encontra-se no seu estado quase original. Viagem para Jerusalem passando a ponte Allenby.
D3Jerusalem, Cidade Velha
Visita da Cidade Velha começando com uma introdução à cidade no cimo do Monte das Oliveiras. Visitaremos o túmulo do rei David, o Cenáculo (Sala da Última Ceia de Jesus) e o túmulo de Oskar Schindler, famoso pelo filme de Steven Spielberg, que está enterrado fora do portão de Sião. Entraremos na Cidade Velha através do Portão de Sião e passearemos pelas ruas estreitas do Bairro Judeu, repletas de locais históricos e tesouros arqueológicos. Pararemos no Muro das Lamentações, o último vestígio do Monte do Templo da era de Herodes destruído pelos romanos há perto de 2000 anos. Faremos uma visita aos túneis da muralha que será organizada mediante pedido à Western Wall Heritage Foundation. Apreciaremos as escavações na parte sul e ocidental do templo. Continuamos nos passos de Jesus ao longo das estações da Via Dolorosa e visitaremos a Igreja do Santo Sepulcro, onde veremos o Monte do Calvário (Gólgota) e o túmulo vazio de Jesus. Continuaremos para a parte mais antiga de Jerusalém, a cidade de David. Esta área foi escavada mais do que qualquer outro lugar em Jerusalém nos últimos 120 anos e apresenta algumas das descobertas mais importantes da arqueologia bíblica até à data. Terminaremos o dia com uma caminhada pelas águas do Túnel de Ezequiel. Um destaque desta visita é uma paragem na piscina de Siloé, onde novas escavações descobriram os restos reais da piscina, onde Jesus curou um cego. Regresso ao hotel, jantar incluído.

D4Jerusalem, Cidade Nova
Começaremos o dia com uma visita a Yad Vashem, o memorial do Holocausto. Continuamos em direção a Ein Karem, esta pitoresca aldeia está cheia de encantadoras ruas sinuosas e jardins exuberantes. Existem sete mosteiros e conventos inspirados em várias tradições em Ein Karem. Diz-se que João Batista nasceu aqui e que Maria bebeu da fonte da Virgem, água borbulhando que brota de uma caverna numa mesquita abandonada perto do centro da cidade. Visitaremos a Igreja da Visitação. Seguiremos para o Museu de Israel, onde encontraremos a descoberta arqueológica mais importante do século XX, os pergaminhos do Mar Morto. Também veremos um modelo da cidade de Jerusalém no tempo do Segundo Templo. Pararemos para apreciar o Knesset (parlamento de Israel) e ver a magnífica menorah de bronze com as suas esculturas retratando a história bíblica de Israel e as palavras imortais de Zacarias, "Não com um exército, não com o uso da força, mas somente com o meu espírito ..." (4: 6). Terminamos o dia com uma visita ao mercado de Mahane YehudaRegresso ao hotel, jantar incluído.

D5: Mar Morto, Wadi Rum
Regresso à Jordânia através da ponte Allenby com destino ao mar Morto, o ponto mais baixo da superfície terrestre (-423m). Tempo livre para boiar nas águas muito salinas do lago, tem 9.6x mais sal do que o mar, barrar-se de lama considerada terapêutica, e apreciar o silêncio em redor. 
Depois de almoço partiremos para o deserto Wadi Rum, o famoso deserto onde se escondeu Lourenço da Arábia, conhecido pelos seus belíssimos promontórios rochosos, desfiladeiros e a sua areia dourada. 
A noite é espetacular pois encontraremos o céu densamente estrelado e a passagem de estrelas cadentes são muito frequentes. São de particular beleza o crepúsculo e a alvorada onde os rochedos adquirem tonalidades admiráveis. A fauna é escassa devido ao clima podendo encontrar-se ibex, chacais, cabras selvagens, águias e abutres. O gato das areias é estritamente nocturno. Acampamento em tented camp onde o jantar será um barbecue beduíno.

D6: Wadi Rum, Petra
Aqui faremos um passeio de jipe com guia beduíno ao longo de amplos vales ladeados por grandes promontórios travessando estreitos desfiladeiros onde se avolumam dunas contra as paredes rochosas (2h). Partiremos para Petra que visitaremos após o almoço. Caminhada através da longa (1.2 km) e apertada garganta, Siq, que conduz às fascinantes ruínas de Petra. No seu final deparamos com a impressionante fachada do Tesouro, Al Khazneh, inteiramente esculpido na rocha tal como todos os outros grandiosos monumentos de Petra. Esta foi a fantástica capital do reino nabateu muito rico e poderoso no início da nossa era. Subiremos ao alto do monte Al-Madbah onde se situa o Sacrifício e donde teremos um panorama global da geografia da cidade composta por uma sucessão de elevadas falésias e promontórios onde a cidade foi escavada. Continuamos a descoberta dos inúmeros templos, palácios, habitações, túmulos e demais câmaras trogloditas que nos aparecem ao dobrar de cada esquina. Passando a avenida das colunas onde se encontram grandes templos nabateus e bizantinos, subiremos uma escadaria escavada na rocha até atingirmos o mosteiro, Al Deir (séc III aC), situado no alto de um monte em local recatado. No regresso passaremos pelos túmulos reais, a avenida das fachadas e pelo grande teatro (séc I dC) ao ar livre com sete mil lugares inteiramente esculpido na rocha!

D7:
 Madaba, monte Nebo, Kerak 
Partida para Madaba (30 km), conhecida como a “cidade dos Mosaicos”, percorrendo a Estrada do Rei, a mais antiga no mundo com 5000 anos. Subimos o monte Nebo (817m), do alto do qual supõe-se que Moisés tenha avistado a 
Terra Prometida. É o local cristão mais venerado da Jordânia. O seu pequeno mosteiro do séc VII contêm amplos e belos mosaicos dessa época onde veremos cenas de trabalho rural com vegetais e animais, muitos já extintos: leões, panteras, ursos e raposas. Bonita vista sobre o mar Morto. Em dias transparentes avistam-se Belém, Jericó e Jerusalém. Em 2000 o Papa João Paulo II visitou o monte Nebo, onde deu um sermão seguido por mais de 20.000 fiéis. De caminho passamos por Wadi Mujib, um desfiladeiro imponente. Chegaremos a Kerak para visita do grandioso e massivo castelo de cruzados construído no séc XII. Situa-se no topo de uma elevada colina e uma das suas muralhas tem 450m de altura. Passeio pelas suas diversas galerias e câmaras, algumas com inscrições do tempo dos cruzados e do período bizantino, e pelas muralhas donde teremos um excelente panorama em redor. Regresso a Amman.
D8: Voos Amman-Lisboa.



Condições Particulares de Participação

Inscrição: Deve enviar-nos a ficha de inscrição preenchida junto com 30% do preço. Devido à grande afluência de viajantes nestas épocas, a sua inscrição deverá ser confirmada com a maior brevidade.

Preço: Válido para partida em Dez 26-

Inclui: Os voos em classe turística em linha regular, 7 noites de hotel em quarto duplo com banho em meia pensão, todos os transportes terrestres em veículo com ar condicionado, jantar réveillon em Dez 31, guia falando castelhano, entradas nos locais monumentais mencionados, passeio a cavalo para entrada em Petra (1 km), passeio todo o terreno em Wadi Rum (2h), transporte de bagagens.

Não inclui: Equipamento pessoal, actividades e visitas durante o tempo livre, despesas de carácter pessoal, seguro de viagem, refeições excepto as mencionadas acima, visto (USD 60), taxa de aeroporto (USD 15), suplemento individual, almoços, gorjetas.

Seguro: O preço do seguro para esta viagem é de Eur 60 que abrange um período de 16 dias (por favor consulte as coberturas).

Alojamento: Hotéis de 4* em quarto duplo com banho.

Acompanhamento: Guias jordanos falando castelhano.

Grupo:
mín 8 pessoas.

Documentação: Passaporte válido, o visto obtém-se na fronteira.

Vacinas: Nenhuma obrigatória.

Hotéis propostos-
4* - Amman: Cham Palace; Petra: Panorama hotel; Wadi Rum: Sun City; Jerusalem: Grand Court.

Jopet-12out17







Testemunhos