Rotas do Vento Rotas do Vento


Brasil: Longos Areais do Nordeste

Programa resumido Programa Detalhado

D1:
Voos para Fortaleza, transporte para o hotel.

D2-D3: Jericoacoara
Dias livres em Jericoacoara. Transporte de manhã cedo em autocarro para Jijoca e daqui em "jardineira" (carro de quatro rodas, de tracção animal) para Jericoacoara (6h), situada em reserva ambiental. Dormida em pousada. Jericoacoara é uma encantadora aldeia costeira, onde as autoridades se esforçam por travar o desenvolvimento urbano para lhe conservar o ambiente tradicional. Por isso, o acesso à aldeia mantém-se por caminhos de areia e de terra. Sugerimos um passeio matinal de buggy pela praia, na direcção da aldeia de Jijoca. A praia é deserta e a paisagem soberba, com múltiplas dunas de areia branca, árvores que crescem na horizontal devido à acção do vento, coqueiros nas regiões povoadas, um mar verde claro onde poderemos observar o desembarque dos pescadores de botes à vela descarregando peixe. Haverá uma sessão divertida a subir e a descer dunas íngremes no buggy! Depois poderemos seguir para a Lagoa Azul, primitiva, de água clara e tonalidades encantadoras. Mais adiante, a Lagoa do Paraíso, onde tomamos um banho. No regresso, poderá visitar Preá, uma típica aldeia de pescadores, onde se almoça na praia. A meio da tarde, caminhada até à Pedra Furada, uma enorme duna à beira-mar, para apreciarmos um pôr-do-sol memorável!

D4: Jericoacoara-Camocim-Delta do Parnaíba
Partida para norte, pela praia, e através das dunas, em jeep, até Camocim (1h30). Chegaremos a Camocim atravessando o rio numa balsa de madeira, manejada por homens empunhando varapaus (paus compridos e fortes). Adiante chegamos a Porto dos Tatus, onde embarcamos numa "voadeira" para navegarmos no delta do rio Parnaíba. O delta contém cerca de 70 ilhéus com destaque para quatro ilhas principais. Iremos navegar em canais estreitos, os igarapés, através do mangal que nos conduzirá às grandes dunas na costa oceânica. O mangal é uma vegetação densa composta por árvores de raízes aéreas em solo de lama e água salobra. Este delta é uma reserva natural dotada de uma rica avifauna com destaque para as garças, os guarda-rios, pica-paus, ibis e os belíssimos guarás de cor laranja vivo. Iremos observar bandos de macacos-prego que se alimentam de crustáceos e iguanas ao sol. Desembarcamos nas dunas do Feijão Bravo para caminharmos até ao mar, e aí tomarmos um banho. Interessante panorama de dunas a perder de vista entre o oceano e o mangal verdejante. Visita da aldeia de pescadores locais, Canárias, onde não existem veículos terrestres e os seus habitantes se mostrarão muito curiosos, pois raramente encontram forasteiros. Pousada em Parnaíba.

D5:  Parnaíba-Tutóia. Partida em "voadeira" com destino a Tutóia, navegando ao longo dos canais e passando por múltiplas pequenas ilhas, a destacar uma das maiores, a ilha do Papagaio. Veremos os pescadores lançando as redes de botes à vela ou da margem, ou apanhando o caranguejo-uça que é uma das grandes "riquezas" da região. Talvez consigamos detetar os típicos jacarés-de-papo-amarelo descansando debaixo de raízes com o focinho e os olhos à tona.
Paramos alguma vez nas dunas e ilhas para apreciar a paisagem e o pitoresco contraste das dunas com a vegetação, e para um pic nic. Chegaremos a Tutóia, onde alojamos. (3h) 

D6: Tutóia-Caburé. Após o pequeno-almoço, seguimos de jeep até Caburé (2h) pelo areal à beira-mar. Estas longas praias desertas e tranquilas são escolhidas pelas tartarugas para desovar (Nov-Dez). Instalação em bungalows. Tarde livre em Caburé. A região é selvagem e bela, com areais desertos a perder de vista! Poderá caminhar pela praia até à foz do rio Preguiças no final da península, a Ponta da Brasilia, para admirar o encontro do rio Preguiças com o mar (2h). Ao fim do dia poderemos ter a sorte de observar vários e grandes bandos de guarás, atravessando Caburé e regressando ao seu refúgio nocturno.

D7: Caburé-Barreirinhas
Partida de lancha para visitar Mandacaru, uma típica comunidade de pescadores (Caburé não tem acesso por estrada) com subida ao farol para termos um amplo panorama da foz do rio Preguiças, palmeirais e dunas. Paramos para almoçar (não incluído) e seguimos numa lancha para visitar a Área de Protecção Ambiental dos Pequenos Lençóis. Visitamos ainda a encantadora vila de pescadores Vassoura, que se situa junto ao rio. Travessia em lancha da reserva dos Pequenos Lençóis pelo rio Preguiças até Barreirinhas onde pernoitamos.

D8: Barreirinhas-Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses-São Luís.
Depois do pequeno-almoço partimos em jeep para o Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses. Caminhada sobre as fascinantes dunas, que podem atingir 50m de altura, com uma paisagem irreal: os Lençóis constituem uma extensão imensa de dunas brancas, onde se acumulou água da chuva que forma lagoas entre elas. Têm 155000ha e ocupam uma faixa de 50 km da costa. Iremos visitar várias e grandes lagoas, apreciando este cenário muito idílico e de extrema luminosidade! Teremos tempo para nadar nestas águas azul turquesa. Faremos uma pausa para pic nic (incluído) e regressamos a Barreirinhas a tempo de apanhharmos o transfer para São Luís (3h30). O bairro antigo de São Luís do Maranhão (séc XVII) é classificado pela Unesco como Património da Humanidade, por conservar o conjunto arquitectónico colonial mais homogéneo da América Latina. A maioria dos edifícios é revestida a azulejos, as ruas são estreitas e sobem as colinas, e teremos o verdadeiro sentimento de percorrer o Bairro Alto em Lisboa, não só devido ao ambiente urbano mas também social, pois encontraremos inúmeras esplanadas, bares com animação e lojas abertas até à noite! Opcionalmente poderá sobrevoar os Lençóis Maranhenses (30m) e apreciar a sua beleza natural (cerca de USD 160). Transfer até ao hotel.

D9: São Luís
Dia livre para visitar o centro histórico de São Luís e para conhecer um pouco da sua história e da sua cultura. Aconselhamos que dedique metade do dia para visitar Alcântara, do outro lado da baía (1h de barco). Esta cidade do séc XVII desenvolveu-se com uma actividade agrícola intensa (algodão, arroz, açúcar), dando origem a uma classe de fazendeiros e de comerciantes abastados que aí construíram os seus palacetes. Está classificada como Cidade Monumento devido à sua riqueza arquitectónica, com os seus mais de trezentos prédios e ruínas espalhadas por três praças, oito travessas e dez ruas.

D10: Transporte para o aeroporto e voos São Luís-Fortaleza-Lisboa.

D11: Chegada a Lisboa.
  • Preço: desde Eur 3080 por pessoa (voos incluídos).
  • Dificuldade: 1

Sugestões de Programas Alternativos:
th_mokoro_excursion_1385056672.jpg
Preço: desde Eur 3300 por pessoa (voos incluídos)
th_libia0023_1232325603.jpg
Preço: desde Eur 1860 por pessoa (voos incluídos)

th_mekong_river_delta4_1359674259.jpg
Preço: desde Eur 3280 por pessoa (voos incluídos)
th_kerala0014_1236818198.jpg
Preço: desde Eur 2460 por pessoa (voos incluídos)

Testemunhos
Longos Areais do Nordeste, Brasil